sábado, 25 de outubro de 2014

Vale a pena fazer compras no exterior?!


Será que vale a pena viajar até os Estados Unidos só para fazer compras de itens pessoais?!
– Dependendo do volume de dinheiro que vc for gastar, vale! E vale muuuuuuito! ;-)

Diferença de preços

Apenas para se ter uma ideia, a lista a seguir, mostra a discrepância de preços entre alguns produtos vendidos no Brasil e nos Estados Unidos. Lembrando que muitos destes produtos são considerados artigos de luxo por aqui, mas lá fora, são apenas produtos que qualquer um pode consumir:

tabelacomparativo_4
Os valores acima (já incluídos os impostos norte americanos), são os preços normais dos produtos sem qualquer desconto ou promoções. Ou seja, apesar de uma camiseta da Calvin Klein custar cerca de US$30 (ou R$69), é possível encontrá-la por menos da metade do preço em algumas promoções!
Se cada um dos itens mencionados na lista acima fossem adquiridos no Brasil, seriam desembolsados inacreditáveis 17300 reais! Em compensação, estes mesmos itens adquiridos nos Estados Unidos, mesmo levando-se em consideração todos os impostos e custos envolvidos em uma viagem, seria gasto cerca de 9500 reais! Ou seja, uma economia de quase 7900 reais!!!

Cenários

Montei dois cenários para tentar responder à pergunta inicial (Será que vale a pena viajar até os Estados Unidos só para fazer compras?!)
Em ambos os cenários, seriam gastos os mesmos valores com as taxas de embarque, visto, translado, alimentação e diárias de hotel, porém, no primeiro caso, a pessoa pagaria R$1300 na passagem; já no segundo, 40 mil milhas (lembrando que estes valores são facilmente encontrados em período de baixa temporada).

Cenário 1

Se o valor das compras que vc está pensando em fazer for superior a 4000 reais, então, corra para tirar o seu visto de turista (se é que vc já não fez isso) e comece a procurar por passagens para os Estados Unidos, porque vc não irá se arrepender ;-)
O gráfico a seguir mostra os custos fixos envolvidos em uma viagem para Miami (ou seja: visto de turista, valor da passagem aérea e taxas de embarque, além dos valores que podem variar conforme a quantidade de dias que durar a viagem, como diárias de hotel, translado e alimentação – representados pela linha vermelha).
Foi utilizado uma janela máxima de 7 dias de viagem.
linha verde representa os valores dos gastos mínimos que devem ser feitos para que esta viagem seja economicamente viável.
tabela_EUAxBrasil_1
Caso alguém esteja com dificuldade em interpretar este gráfico, então darei dois exemplos simples:
1 – Se vc for para Miami, apenas para fazer compras, e permanecer por lá durante 2 dias, irá gastar aproximadamente 2250 reais (incluindo as passagens aéreas, visto, alimentação, estadia e translado) e caso vc gaste mais de 4500 reais em produtos para trazer para o Brasil, então, a sua viagem já valeu a pena, e a economia que foi feita na aquisição destes itens, foi o suficiente para pagar a passagem e todos os demais gastos.
2 – Se uma câmera fotográfica Canon T5i, que custa cerca de 4300 reais no Brasil, fosse adquirida nos Estados Unidos, mesmo levando-se em consideração os custos envolvidos em uma viagem (com duração de apenas 1 dia), seriam gastos R$1762 (pela máquina) + R$105 (6% Impostos na Flórida) + R$17 (1% Impostos de Miami) + R$120 (6,38% de IOF) + R$2038 (custo da viagem), ou seja, R$4042! E ainda sobraria cerca de 258 reais para gastar em outros itens! #NumFodePorra

Cenário 2

O gráfico a seguir, mostra o valor mínimo de compras no exterior (adquirindo-se passagens de ida e volta através de milhas aéreas). Neste caso, os custos da viagem seriam compostos basicamente pela taxa de embarque, visto, diárias de hotel, alimentação e translado.
tabelaEUAxBrasil_2
A seguir, descrevo de forma um pouco mais detalhada os custos envolvidos nos dois cenários:

IOF: Cartão de Crédito vs Débito

Desde o início deste ano (2014), nosso querido governo enfiou a mão, mais uma vez, no bolso do brasileiro, e aumentou o valor do IOF para operações realizadas com cartões de débito no exterior (leia mais aqui).
Atualmente, tanto os cartões de crédito quando os de débito, são taxados em extorsivos 6,38%! Neste caso, o Cartão de Crédito acaba sendo mais vantajoso, pois existe a possibilidade de se acumular milhas com ele (caso o cartão possua esta função).
A desvantagem é que vc ficará sujeito ao risco da variação cambial, que poderá oscilar até o momento em que sua fatura for quitada. Porém, dado que o dólar tem oscilado nos últimos meses em torno dos R$2,30, acredito que valha a pena correr este risco por alguns dias.
A única maneira de se livrar do IOF (e economizar 6,38%) é levando dinheiro vivo com vc… porém, esta opção não é nem um pouco segura.

Impostos Norte Americanos

Muitos brasileiros desconhecem, mas produtos como: roupas, equipamentos eletrônicos, cosméticos, etc… sofrem a incidência de impostos no momento em que vc os adquire (estes valores variam de estado para estado). No estado da Flórida, por exemplo, é cobrada uma taxa de imposto de 6% sobre o preço dos produtos. Para a cidade de Miami, deve ser acrescentado uma taxa de mais 1%, totalizando 7% de impostos.

Visto

O consulado norte americano cobra 160 dólares para emitir o visto de turista, o qual, geralmente, possui validade de 10 anos!

Passagem Aérea

Não é raro encontrar passagens aéreas baratas, partindo de São Paulo ou Rio de Janeiro, para os principais aeroportos dos Estados Unidos.
Na baixa temporada, é possível encontrar promoções de passagens por 1300 reais ou até menos!
Existe também a possibilidade de adquirir passagens através programas de milhagem. Neste caso, por aproximadamente 40 mil milhas é comum encontrar passagens de ida e volta entre Brasil e Estados Unidos, onde o passageiro pagaria apenas o valor das taxas de embarque, que giram em torno de 235 reais.

Hotel

Geralmente, hotéis 3 estrelas (com o mínimo de conforto) e boa localização em Miami possuem valores de diária de aproximadamente 175 reais (para até 2 pessoas)! Mas é possível encontrar valores muito mais em conta (especialmente em albergues – também conhecidos como Hostel).

Transporte

O táxi do aeroporto até os principais hotéis de Miami sai volta de 20 dólares. Porém, considerei um valor de 80 dólares por dia, apenas por uma questão de conforto e agilidade. Mas, para economizar ainda mais, poderia ser utilizado ônibus, ou ainda os serviços de translado gratuito fornecidos por alguns hotéis.
Lembrando que muitos destes hotéis, possuem translado gratuito para os principais shoppings.

Alimentação

Com apenas 10 dólares, é possível realizar uma refeição farta (talvez até para duas pessoas) na praça de alimentação de qualquer shopping. Além disto, nos hotéis geralmente está incluído o café da manhã. Ou seja, sobraria apenas almoço e jantar.
Portanto, 20 dólares diários com alimentação é mais do que suficiente!

Fonte: Canal do Otário 
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...