segunda-feira, 4 de novembro de 2013

Cientistas aprenderam a prever o comportamento de vulcões







vulcão, erupção


O comportamento de um vulcão foi durante muito tempo considerado imprevisível, mas cientistas de Moscou refutaram essa ideia.

Eles desenvolveram um modelo matemático da erupção do vulcão que permite determinar o seu grau de atividade. Ou seja, entender até que ponto ele é perigoso num dado momento.

Os cientistas da Faculdade de Geologia e do Instituto de Mecânica da Universidade Estatal de Moscou criaram um modelo de medição dos parâmetros de um vulcão que refletem o grau de atividade dos processos sísmicos que ocorrem no seu interior. Pela composição química e pelas propriedades dos produtos resultantes da erupção os cientistas determinam quais são os processos que ocorrem dentro do vulcão e preveem o seu futuro comportamento com ajuda do modelo matemático.


“Conjugando os dados da composição química dos minerais magmáticos com o nosso modelo, podemos avaliar as dimensões do canal pelo qual o magma sobe”, refere o diretor do laboratório do Instituto de Mecânica Oleg Melnik. “Isso ajuda a avaliar a força das possíveis erupções e a velocidade com que o magma irá ascender à superfície do vulcão”. Isso é uma informação inestimável quando surge o problema da evacuação de pessoas para um local seguro.

O programa permite igualmente verificar em que condições se poderiam ter formado este ou aquele mineral magmático dentro do vulcão. Já o estudo dos diferentes cristais desses minerais fornece a informação sobre a temperatura que existia no magma e como se alterou a pressão durante a erupção. Esse já é um passo para uma previsão fiável dos processos sísmicos, referem os cientistas.

Para testar o seu modelo os cientistas viajaram para o vulcão Bezymyanny na península de Kamchatka no Extremo Oriente da Rússia. “Nós conseguimos calcular a que profundidade se encontra o foco de erupção e a quantidade de magma que lá se acumulou”, conclui Oleg Melnik. “Ou seja, o comportamento do vulcão pode ser previsto com bastante precisão.”





Fonte: http://portuguese.ruvr.ru/2013_11_04/Cientistas-aprenderam-a-prever-o-comportamento-de-vulcoes-5238/
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...